Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Cinema » ADAPTAÇÃO

It chega ao Capítulo 2 com algumas diferenças do livro de Stephen King; descubra quais

A sequência de It: A Coisa estreia no próximo dia 5 de setembro no Brasil

Júlia Andrade Publicado em 04/09/2019, às 10h00 - Atualizado às 16h14

None
Palhaço Pennywise em It: Capítulo Dois. Crédito: Divulgação/Warner Bros.

It: Capítulo 2 chega ao Brasil na próxima quinta-feira (05), como sequência do filme de terror lançado em 2017.

O longa se ambienta 27 anos depois dos eventos de It :ACoisa, quando Mike (Isaiah Mustafa) percebe que o palhaço Pennywise (Bill Skarsgard) está de volta à cidade de Derry.

Isso provoca a convocação dos antigos amigos do Clube dos Perdedores (Loser's Club), Bill (James McAvoy), Beverly (Jessica Chastain), Ritchie (Bill Hader), Ben (Jack Ryan) e Eddie (James Ransone), para honrar a promessa de infância de acabar com o grande inimigo.

++ It: Capítulo 2 deve bater recorde de maior estreia de um filme de terror

Na verdade, as duas produções cinematográficas dão vida ao enredo de uma única obra literária de 1886, do lendário Stephen King, que dá título ao primeiro longa. Sim, It, apesar de ter ganhado dois filmes, vem de um livro só. 

Como acontece geralmente em adaptações, a transição da história retratada nas páginas do livro para as telonas acabou culmimando em algumas mudanças no enredo. Saiba as diferenças dos filmes com o livro de King:

Divisão da história

Com 1104 páginas, o livro retrata o tempo de forma diferente, por não seguir a ordem cronológica exibida nos filmes. O primeiro longa se passa na infância dos protagonistas e o segundo traz todos adultos. Já a obra de Stephen King se ambienta inteiramente na fase adulta, e o Clube dos Perdedores aparecem mais novos apenas em flashbacks.

Época

A história original, a infância dos protagonistas se ambienta entre 1957 e 1958 e a fase adulta, entre 1984 e 1985. Nas telonas, o primeiro enredo se passa na década de 1980 e o segundo longa acontece em 2016, o que traz novos aspectos quando se pensa na evolução da tecnologia e mudanças no mundo a partir do século XXI.

Conflitos

No filme, o grupo usa pistolas pneumáticas para derrotar Pennywise, mas no livro são balas de prata que são utilizadas como arma do Clube dos Perdedores. Acontece que, na obra de King, os embates são psíquicos, vencidos por meio do Ritual de Chüd, em que é preciso morder a língua da Coisa. Ainda não se sabe se esse processo será retratado na sequência cinematográfica.

Formas de Pennywse

No livro, Pennywise encarna os maiores medos do Clube dos Perdedores, como as criaturas mais assustadoras do cinema, que incluem o Lobisomem, o Tubarão, a Múmia, Drácula e Frankenstein. Mas isso não é reproduzido no cinema, já que usar esses monstros requer um acordo com outros estúdios, como a Universal, detentora dos direitos de vários deles.

Stanley

O trailer da produção deste ano não tem nenhuma aparição do Stanley, o que pode singificar que algo aconteceu com o personagem. De acordo com a história do livro, há motivos para seu desaparecimento, pois ele não resiste ao saber que Pennywise está de volta à cidade e acaba tirando a própria vida. Mas ainda não se sabe se o novo filme seguirá a mesma linha da história.

+ ‘It: Capítulo 2’: Cinema dos EUA vai realizar sessão do filme só para palhaços

Ben e Mike

No primeiro longa, Ben é um "devorador de livros", cheios de jornais e mapas de pesquisa, mas essa personalidade é encontrada em Mike na história escrita. Ele é quem investiga o passado da Coisa e encontra evidências sobre o inimigo. O diretor Andy Muschietti, no entanto, confirmou o Mike adulto das telonas será um bibliotecário, o que segue a linha do livro.

Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!