Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Cinema » POLÊMICA

Mulan: Manifestantes pedem boicote ao filme após apoio de protagonista à violência policial em Hong Kong

Atriz radicada nos Estados Unidos anunciou seu apoio à polícia de Hong Kong em meio aos protestos contra violência policial no país

Redação Digital Publicado em 16/08/2019, às 15h10

None
Mulan estreia nos cinemas mundiais em 2020 (Reprodução/YouTube)

O filme Mulan, inédito live-action da Disney, ainda não estreou nos cinemas mundiais mas já sofre um boicote. A protagonista do filme Liu Yifei foi alvo de críticas nas redes sociais após publicar na Weibo, rede social mais famosa da China, uma mensagem de apoio aos policiais de Hong Kong. 

A região tem recebido uma onda de protestos de manifestantes pró-democracia que acusam a polícia local de abusar da força excessiva ao tentar conter os mesmos protestos, os quais já duram mais de dois meses. 

A mensagem de Liu Yifei dizia: "Eu apoio os policiais de Hong Kong. Vocês todos podem me atacar agora. Que vergonha para Hong Kong”. 

Logo, a hashtag #BoycottMulan entrou para os trending topics do Twitter mundiais, mesmo com o bloqueio da rede social na China, assim como acontece com o Facebook e o Instagram. Na plataforma Weibo, a Mulan das telonas tem cerca de 65 milhões de seguidores. 

Com o comentário da atriz de 31 anos, usuários do Twitter a acusaram de apoiar a brutalidade policial. Algumas contas relembraram de que a atriz nasceu na China mas foi radicada nos Estados Unidos. 

''Liu é naturalizada americana. Isso deve ser legal. Mas enquanto isso, ela debocha das pessoas que lutam pela democracia'', um usuário escreveu num tweet que viralizou.

++Mulan está pronta para a guerra no primeiro trailer do live-action da Disney; confira

Mulan  marca mais um live-action da Disney e tem previsão de estreia em março de 2020

Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!