Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Famosos » Entrevista

Fernanda Montenegro critica o governo por crise na cultura

Em entrevista sobre sua autobiografia, a atriz defende o fim da reeleição

Redação Publicado em 20/09/2019, às 11h19

Fernanda Montenegro
Fernanda Montenegro - Reprodução/Instagram

Fernanda Montenegro acaba de lançar sua autobiografia, intitulada Prólogo, Ato, Epílogo, pela editora Companhia das Letras. No livro, ela percorre seus 70 anos de palco e revela suas memórias.

Em uma entrevista para o jornal O Estado de São Paulo, a atriz afirmou que a obra se trata de uma "viagem com muitos colegas, com muitas crises políticas, com muitas linguagens cênicas, com muita coragem de sobrevivência e resistência".

++A Vida Invisível: Filme com Fernanda Montenegro é indicado para representar o Brasil no Oscar 2020

No livro, além de questões políticas, Fernanda fala sobre seus trabalhos no cinema e a indicação ao Oscar, em 1999, pela sua atuação no filme Central do Brasil.

Ela aproveitou para falar um pouco sobre o o lhar que tem sobre a situação política atual do Brasil e as relações do governo com a cultura.

++Ancine volta atrás e retira apoio a filmes LGBT após ação de Bolsonaro

"Há uma mentalidade de censura moral. Estamos nos transformando em um país conduzido por uma visão religiosa e quem não apoiar não terá nada. E a cultura tornou-se o primeiro item a ser revisto e, se possível, exterminada. A arte é demoníaca, e nós, artistas, somos o instrumento do demônio".

Fernanda apontou, como uma das causas dessa situação, a estrutura de um sistema político nacional que prevê a reeleição em cargos públicos. "O período militar durou 20 anos e foi marcado por mudanças no comando, mas o sistema era o mesmo, o que parecia com uma reeleição", explicou.

++Estreia de Marighella no Brasil é cancelada por não seguir padrões exigidos pela Ancine

"Agora, com essa possibilidade prevista em lei, cada político que ganha uma eleição vê uma chance de manter seu partido no poder por 20 anos, o mesmo período da ditadura militar. Herdamos uma deformação política".

 

Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!