Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Famosos » POLÊMICA

Jornalistas criticam a aparência de Blue Ivy, filha de sete anos de Beyoncé e JAY-Z, e são acusados de racismo e misoginia

Os comentários, que foram apagados, sugeriam que a criança seria feia por parecer demais com o pai

Redação Publicado em 02/01/2020, às 12h14

Ao posar para fotos com Beyoncé, durante a passagem do ano, Blue Ivy teve a aparência criticada por jornalistas
Ao posar para fotos com Beyoncé, durante a passagem do ano, Blue Ivy teve a aparência criticada por jornalistas - Twitter

Para celebrar a passagem do ano, Beyoncé Knowles divulgou algumas fotos onde aparece com o marido, o rapper JAY-Z, e os filhos gêmeos Rumi e Sir e a filha Blue Ivy. Em outras fotos, a cantora também aparece ao lado da artista de trap Megan Thee Stalion, sempre acompanhada de Blue.

As fotos, inesperadamente, acabaram gerando comentários negativos sobre a garota de apenas sete anos. O crítico de cinema K. Austin Collins, da Vanity Fair, comentou em seu Twitter: "Eu sinto que os genes do rosto de JAY-Z estão prestes a atingir Blue Ivy e sinto muito por ela".

+ Leia mais: Cacau Protásio é vítima de racismo de bombeiros no Rio de Janeiro e famosos saem em defesa da artista

Outra jornalista, Violet Lucca, da Harper's Magazine, respondeu ao comentário: "Ou ela vai fazer cirurgia plástica aos 16 anos, como Kylie Jenner, e nós todos teremos que fingir que ela sempre teve aquela aparência. Eu não posso me sentir muito triste pelos que são incrivelmente ricos".

Os comentários não foram bem recebidos e os jornalistas foram acusados de racismo e misoginia antes de apagarem as publicações. No entanto, a escritora e ativista Mikki Kendall, também em sua conta no Twitter, republicou os comentários ponderando sobre o assunto:

+ Leia mais: Filme de gangues é banido sob alegação de incitar a violência e redes de cinemas são acusadas de racismo

"Não há nada de inofensivo em insultar as características de uma criança, independentemente se ela tem pais famosos ou não", escreveu. "Não há valor no colorismo, na anti-negritude ou na tentativa de fingir que classe é uma justificativa para atacar uma criança de sete anos com insultos".

"Mas vamos detalhar bem as coisas por um segundo. Se essas pessoas estão dispostas a serem tão nojentas com uma criança, o que você acha que elas fazem com mulheres negras adultas sem o isolamento de dinheiro e poder? Eu adoraria saber o que os colegas de trabalho e estagiários deles têm a dizer", continuou a escritora.

+ Leia mais: Will.i.am, do Black Eyed Peas, acusa aeromoça de racismo após ser retirado de voo pela polícia

"Não são crianças sendo rudes. Eles são dois adultos em posições de influência cultural que decidiram começar o ano atacado uma criança. Mais tarde, quando as desculpas sórdidas chegarem, eu quero que vocês pensem sobre essa escolha", acrescentou.

"Você não precisa gostar dos pais dela, mas essa criança posou para uma simples foto com a sua mãe e dois adultos se aproveitaram disso para tentar azucriná-la. Eles trabalham com a mídia. Eles sabem exatamente que tipo de impacto as suas palavras podem ter e eles decidem fazer isso de qualquer forma", ainda disse, antes de finalizar:

+ Leia mais: Vencedora do Oscar por Preciosa, Mo'Nique processa a Netflix por discriminação

"Esse bebê tem sete anos de idade e adultos estão correndo para insultá-la. Por existir. Por talvez parecer com o pai dela. Por parecer com uma garota negra jovem e feliz. A felicidade dela é o que provavelmente mais os ofende, porque como uma aluna da primeira série se atreve a não parecer com suas fantasias?".

Após a repercussão negativa, Collins pediu desculpas em seu Twitter, alegando que se tratava de uma piada: "Sinto muito pelo tuíte sobre a Blue Ivy. Piada ruim e garotas negras, particularmente, merecem mais do que isso".

+ Leia mais: Ludmilla mostra que foi vítima de racismo durante premiação em vídeo no Instagram

Já a sua colega, Lucca, não se deu ao trabalho e respondeu aos comentários ressentida: "Filhos de famosos deveriam estar fora dos limites, mas uma vez ou outra eles não estiveram. Então eu disse algo mesquinho e fui chamada de feia, velha e racista".

 


Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!