Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Famosos » OVERDOSE

Traficante de Mac Miller é preso por ter ligação com morte do rapper

Cameron Pettit James foi preso em sua casa hoje após quase um ano da morte causada por overdose do rapper

Redação Digital Publicado em 04/09/2019, às 17h55

None
Reprodução/Instagram

As autoridades americanas prenderam hoje (4) um traficante de drogas que tem relação com a morte do rapper Mac Miller. Cameron James Pettit foi acusado de ter conexão com a morte do rapper ao entregar pílulas de oxicodona falsificadas que continham fortes cargas de fentanil, medicação para dor que tem efeito rápido. 

Segundo o TMZ,  Miller tinha pedido percocet, uma droga prescrita que alivia dor e que  contém oxicodona, alguns dias antes de ser encontrado desacordado em sua casa em Los Angeles. 

Os relatórios oficiais da polícia indicam que o traficante entregou a encomenda ao rapper dois dias antes de sua morte e ainda recebeu de uma prostituta que trabalhava para Cameron outras drogas pesadas, como oxicodona pura, Xanax e cocaína. 

Assim, a polícia americana, que prendeu o traficante de 28 anos na manhã de hoje (4), descartou a possibilidade da morte do rapper ter sido causada por uma overdose acidental de álcool, cocaína e fentanil. 

++Ariana Grande comenta sobre morte de Mac Miller: 'Ele não merecia os demônios que tinha'

Mac Miller foi encontrado morto aos 26 anos em sua casa nos arredores de Los Angeles no dia 7 de setembro de 2018, após sua morte ter sido alegada como decorrente de overdose de drogas. 

Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!