Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Música » LENDÁRIA!

Taylor Swift, entre polêmicas e novo disco, foi o maior nome da música pop em 2019

Eleita artista da década pela Billboard, Taylor fez as pazes com Katy Perry, perdeu seu catálogo musical e lançou o disco Lover

Camila Gomes Publicado em 06/01/2020, às 13h00 - Atualizado em 31/01/2020, às 06h54

Taylor encerra o ano como a artista mais bem paga do mundo
Taylor encerra o ano como a artista mais bem paga do mundo - Reprodução/Instagram/Taylor Swift

A volta da Taylor Swift aos holofotes foi repleta de altos e baixos. Sendo indicada pelos críticos e especialistas às premiações mais importantes da industria de Hollywood, ela retorna ao topo das príncipais paradas de música do mundo com diversos hits.

Mesmo no chegando ao auge de sua carreira, a artista voltou a ser chamada de dramática ao expor uma claúsula de seu contrato com a antiga gravadora. Quando assinou o documento na adolescência ela não esperava que a empresa fosse vendida, o que permitiu que outra pessoa conquistasse os direitos autoriais de seus discos.

Transformando suas cobras em borboletas, o ano de Taylor começa de verdade ao lançar o primeiro single de sua nova era.

LOVER

Após o término da turnê Reputation, realizada inteiramente em estádios e registrada pela Netflix em 2018, a cantora iniciou sua nova fase mais colorida. 

Ela voltou direto para o primeiro lugar do iTunes com a música ME, uma parceria com o cantor Brendon Urie, da banda Panic! At The Disco. Lançando um clipe repleto de cores pastéis e com cenários surreais, a cantora apresenta sua versão mais honesta e verdadeira.

Assumindo sua fase clean, Taylor convidou diversos amigos amigos para gravar uma participação especial no clipe de You Need To Calm Down. Enquanto a letra diz: “Nós vemos você na internet comparando todas as garotas que estão arrasando”, Katy Perry aparece de surpresa vestida de hambúrguer.

Quando Swift surge com uma roupa de batata frita, as artistas deixam para toda a rivalidade mantida nos últimos anos e percebem que são melhores juntas, selado a paz no mundo pop.

 

No dia 23 de agosto, o tão esperado disco chegou às plataformas digitais. Contendo 17 faixas, ela canta abertamente sobre se apaixonar profundamente, ter o coração quebrado, empoderamento feminino e homofobia. 

O disco é especial para cantora pelo fato da intérprete de Blank Space ter escrito todas as canções que foram incluídas. Com isso, a coletânea rendeu a Taylor duas indicações ao Grammy 2020, nas categorias Música do Ano com Lover e em Melhor Álbum Vocal Pop.

POLÊMICA COM SCOOTER BRAUN

Prestes a oficializar seu retorno aos palcos, a cantora veio a público com uma carta aberta escrita em seu Tumblr. Taylor conta que se sentia “triste e enojada” ao descobrir que Scooter Braun havia comprado sua antiga gravadora, Big Machine Records.

Ao efetivar a compra, o agente de Justin Bieber e Ariana Grande adquiriu os direitos dos seis discos da artista. Swift considerou esse o pior cenário possível, pois Scooter, segundo ela, havia praticado bullying com cantora anos atrás. 

O caso se trata de um vídeo do empresário mandando um “oi” para ela durante o lançamento da música Famous, de Kanye West. Na época, o rapper foi acusado de revenge porn (pornografia de vingança, em português), que se caracteriza quando uma pessoa é exposta sexualmente na internet. No videoclipe da canção, o West colocou uma boneca superrealista da cantora nua em sua cama enquanto fala: “Eu fiz essa vadia famosa”.

Assim ela pediu aos seus leais fãs para apoiarem seu sétimo álbum, que é o primeiro que a cantora possui todos os direitos. 

ARTISTA DA DÉCADA

Com o sucesso estrondoso feito nos últimos anos com os hits Love Story, Shake It Off, Bad Blood, I Knew You Were Trouble e Look What You Made Me Do, Swift foi a escolhida ser a homenageada do American Music Awards, recebeu o prêmio de Artista da Década.

Mas a confusão envolvendo sua antiga gravadora ainda está longe de acabar. Poucos dias antes do edição, a cantora foi até as redes sociais e revelou que a Big Machine, havia proibido que cantasse as músicas antigas, pois poderia ser considerado uma regravação. 

Ela explicou que há uma cláusula em seu contrato que só permite que ela regrave as próprias as músicas antigas a partir de novembro de 2020. O ex-dono veio a público afirmar que esta narrativa só existia na cabeça da cantora, mas ela acabou recebendo a “permissão” necessária para fazer o show acontecer. 

Ao final da cerimônia a artista subiu ao palco para uma apresentação de 11 minutos. Performando os maiores sucessos de sua carreira ao lado de um grupo infantil de dançarinos e das amigas Camila Cabello e Halsey, Taylor colocou a platéia cantar todas canções.

A aclamação ainda não acabou. Em levantamento feito pela revista Forbes, Taylor encerra 2019 como a artista mais bem paga do mundo, acrescentando a sua fortuna cerca de US$ 185, ultrapassando o cantor Kanye West.

 

LANÇAMENTO DE CATS

As indicações aos prêmios entregues pela acadêmia de críticos de arte não pararam por aí. O amor de Taylor por gatos rendeu à cantora uma indicação ao Golden Globes. Interpretando a gata Bombalurina, Swift é responsável pela faixa Beautiful Ghosts, que está concorrendo na categoria Melhor Música para Filme.

A compositora é um dos grandes nomes por trás da a nova adaptação do musical da Broadway, em que os personagens são animais. O filme já está em cartaz nos cinemas.

 

 

NOVA TURNÊ

Taylor vem para o Brasil em 2020 com a Lover Fest. Prometendo passar por países que visitou poucas vezes, a artista desembarca em solo paulista para duas apresentações no dia 18 e 19 de julho. As primeiras horas início das vendas dos ingressos reuniu cerca de 100 mil fãs, que entraram em uma fila online para adquirir os tickets.

Os ingressos para o segundo concerto ainda estão disponíveis no site da Tickets For Fun.

 


+ Não é segredo que a música une pessoas. Quer se sentir ainda mais perto da sua banda preferida? Então dá uma olhada nessa lista. Separamos 5 produtos de bandas incríveis para você montar seus looks.

1 - Camiseta Coldplay: Se você ama a música The scientist do Coldplay, essa camiseta vai virar uma das suas queridinhas. - https://amzn.to/37BruEk

2 - Camiseta Arctic Monkeys: Fã do Arctic Monkeys? Então dá uma olhada nessa camiseta da banda! Ah, e ela vem em 3 cores para você escolher a que tem mais a sua cara! - https://amzn.to/2se5XRH

3 - Camiseta infantil The Doors: Achou que seu bebê ia ficar de fora? Claro que não! Com essa camiseta do The Doors, os papais fãs da banda podem compartilhar um pouquinho da sua paixão com os pequenos. https://amzn.to/33ivgij

4 - Camiseta Queen: Se o hit We Will Rock You está toda hora na sua cabeça (e na sua playlist), esse produto é para você! - https://amzn.to/2ro8msN

5 - Body Beatles: Atenção, papais amantes de The Beatles! Esse body com estampa de um dos hits mais famosos da banda vai deixar seu bebê suuper estiloso. - https://amzn.to/33ium5p

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Exitoína pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

 


Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!