Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Pride » Orgulho

10 livros brasileiros recentes sobre o universo LGBTQ+ no país

De histórias de ficção a contos premiados, o Brasil também possui narrativas LGBTQ+ das mais diversas

Saulo Tafarelo Publicado em 08/01/2020, às 15h00

Livros LGBTQ+ recentes
Livros LGBTQ+ recentes - Divulgação

As narrativas LGBTQ+ têm ganhado destaque ao longo do tempo, com as mudanças culturais e de mentalidade que dão espaço para a diversidade se manifestar. 

Ocupando um lugar importante na marca das narrativas de pessoas da comunidade, os livros são documentos que eternizam a vida e as experiências dos indivíduos, com as narrativas LGBTQ+ como protagonistas da trama. 

++ Greta, com Marco Nanini, e outros filmes e séries com personagens LGBTQIA+ na terceira idade

No Brasil, país ainda muito marcado pela LGBTfobia, as narrativas e histórias da comunidade se destacam em meio a um cenário ainda caótico. Listamos a seguir livros brasileiros com narrativas LGBTQ+  mais repercutidos dos últimos tempos para você ler e reler, exaltando a cultura LGBT nacional. 

++ Conheça 10 games que abraçam a diversidade

Confira abaixo 10 livros brasileiros que abordam a temática LGBTQ+: 

Olhares de Claudia Wonder, de Claudia Wonder

Diva da comunidade LGBT+ e uma de suas mais ferrenhas defensoras no Brasil, Claudia Wonder fala sobre o universo trans e mostra que encarar a questão da diversidade é a melhor forma de se superar o preconceito. O livro é um compilado de crônicas e artigos da militante da causa LGBT brasileira, que faleceu em 2010.

Um livro para ser entendido, de Pedro HMC

O criador de um dos canais mais seguidos do YouTube no Brasil, o Põe na Roda, discute sobre algumas das mais pertinentes questões do universo LGBT+ em seu livro de estreia. O livro é voltado tanto para os "entendidos" do assunto quanto para os "não entendidos", numa forma de vencer o preconceito.

Ricardo e Vânia, de Chico Felitti

O livro já é um sucesso comercial e vai virar até filme! Nele, o jornalista Chico Felitti vai atrás da história de uma das figuras mais conhecidas de São Paulo, o chamado Fofão da Augusta. Chico narrra a história verídica desse personagem de São Paulo e destaca a trama LGBTQ+ por trás das personagens.

Amora, de Natália Borges Polesso

O livro foi ganhador do prêmio Jabuti na categoria de contos, em 2016. Na obra, a autora gaúcha Natália Borges Polesso narra sem papas na língua sobre o universo lésbico. O livro é composto por cerca de 33 narrativas que vão desde o respeito ao amor feminino aos relacionemntos lésbicos.

Dois pais de dois, de Rafael Escrivão Sorrigotto

O livro narra a história verídica de um casal homossexual que posuem dois filhos. Durante a narrativa, o autor narra suas descobertas do que sobre o amor e fala sobre os desafios de ser pai nessas condições. 

Over The Rainbow: Um Livro de Conto de Fadxs, vários autores

Cinco autores de diferentes gêneros e sexualidades revisitam as histórias de conto de fadas e dão um novo tom a elas, recebendo uma dose bem colorida e vestindo uma roupagem LGBTQ+.

Devassos no paraiso, de João Silvério Trevisan

A obra é referida como um dos livros que não podem faltar na cabeceira de qualquer cama. O autor realiza um estudo denso e pioneiro sobre a homoafetividade no Brasil, dialogando com diversas áreas - como cinema, teatro, política, medicina, entre outras. Devassos no Paraíso atravessou gerações, com sua primeira edição nos anos 1980, e provocou um intenso diálogo com e sobre a comunidade LGBTQ+, sendo muito relevante e discutido até os dias de hoje.

E seu eu fosse put*, de Amara Moira

A trama narra a história da autora, travesti que relata sua experiência nas ruas através de um importante relato em forma de texto. Ao longo do tempo, Amara vai se descobrindo e ententendo alguns pontos centrais da vida.

Um milhão de finais felizes, de Vitor Martins

Segundo romance do autor Vitor Martins, o livro acompanha a história de Jonas, um barman, que acaba conhecendo Arthur. A partir da narrativa o autor constrói uma história divertida e ao mesmo tempo sensível sobre amor e o significado de família. 

Meu Nome é Amanda, de Mandy Candy 

Mandy Candy (Amanda Guimarães) é uma bem sucedida youtuber brasileira, com mais de 1 milhão de inscritos em seu canal na plataforma. Através do livro, Amanda conta sua história, destacando todos os seus altos e baixos, como o bullying que sofreu durante a vida, sua transição como mulher trans e sua trajetória até os dias atuais. 

Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!