Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
TV e Séries » BASTIDORES

This Is Us: Elenco revela quais foram as cenas mais desafiadoras da quarta temporada

O próximo ano da série irá abordar a pandemia de coronavírus

Redação Publicado em 27/08/2020, às 12h38

Sterling K. Brown como Randall em This Is Us
Sterling K. Brown como Randall em This Is Us - Reprodução/NBC

Enquanto os fãs aguardam pela quinta temporada de This Is Us, que irá abordar a pandemia de coronavírus, o elenco da produção relembra quais foram as cenas mais desafiadoras do quarto ano.

Em conversa com a Entertainment Weekly, o protagonista Sterling K. Brown, indicado pela quarta vez consecutiva na categoria Melhor Ator no Emmy por seu trabalho na série, e o restante do elenco da produção comentaram sobre os bastidores dos momentos mais marcantes da quarta temporada.



Para Chris Sullivan, que interpreta Toby, a cena mais desafiadora foi quando ele precisou se reconectar com o filho, Jack, após lutar contra a depressão, no episódio The Carbin. "Aquela cena realmente me atingiu. Em primeiro lugar, pensei que logisticamente seria muito difícil e conseguimos arrancar e torná-lo muito convincente. Mas em segundo, apenas o pânico emocional da coisa toda foi difícil."

+Leia mais: Criador de This is Us revela que nova temporada irá abordar pandemia de coronavírus

A cena-chave em "A Hell of a Week, Part 3" foi um teste tanto para a personagem Kate, quanto a atriz, Chrissy Metz. Ela precisou enfrentar Toby, que parecia estar desconectado com a paternidade. “Sempre que você força a borra em algo que pode perder, é assustador”, conta ela.

“Quando ela estava empurrando de volta e dizendo: 'Isso não é suficiente para mim e você tem que aparecer para o nosso próprio filho', havia uma chance de que ele não agisse por conta própria, e quem sabe. Porque ela tem essa ideia na cabeça de que seu pai não está lá, talvez outro homem a deixe também. E seja auto-induzido ou que ela criou ou contribuiu para isso, isso é algo que foi realmente difícil de interpretar de uma forma que ela fosse forte o suficiente, mas também tentando ser simpática o suficiente".

Para o protagonista Sterling K. Brown, que dá vida para Randall, a cena mais marcante foi quando seu personagem se esforçou para permitir a si mesmo a entrar na terapia, e sofreu ainda mais quando sentou no divã.

“A terapia foi difícil em dois níveis porque Randall estava muito cauteloso quando ele entrou no processo pela primeira vez e eu tenho feito terapia há muito tempo”, diz Brown. “Então eu tive que me lembrar como era quando comecei a compartilhar os aspectos mais pessoais da minha vida com alguém que é um completo estranho e me sentir confortável com isso.", relatou.

 


+ Livros adolescentes que viraram filmes:

1. Extraordinário: https://amzn.to/2Di5m3A

2. Me Chame Pelo Seu Nome: https://amzn.to/34oyXo6

3. Com Amor, Simon: https://amzn.to/2ry0wfZ

4. Para Todos os Garotos que Já Amei - vol. 1: https://amzn.to/2OLUdgP

5. Quem É Você, Alasca? https://amzn.to/2rpfkhd

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a Exitoina pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!