Exitoína
Facebook ExitoínaTwitter ExitoínaYoutube ExitoínaInstagram ExitoínaTelegram Exitoína
Famosos » Luto

Doação de órgãos de Gugu Liberato pode ajudar até 50 pessoas

A família do apresentador autorizou o procedimento

Redação Publicado em 23/11/2019, às 11h54

Gugu Liberato em um dos programas que apresentou na Record
Gugu Liberato em um dos programas que apresentou na Record - Divulgação/Record TV

Os familiares de Gugu Liberato autorizaram a doação de órgãos do apresentador, coisa que era pretendida pelo mesmo, que acabou falecendo na última sexta-feira (22). E de acordo com os médicos do Orlando Health Medical Center, a decisão da família de doar os órgãos do apresentador poderá ajudar até 50 pacientes. A informação é de Flávio Ricco, colunista do UOL.

Isso acontecerá pois nos Estados Unidos o sistema de doação de órgãos é muito mais avançado que no Brasil, pois lá podem ser utilizados (além dos próprios órgãos) córnea, ossos, pele, entre outros. 

+ Leia mais: Membros do RBD e outros famosos lamentam a morte de Gugu Liberato

Em comunicado oficial, a assessoria do apresentador constatou que “atendendo a uma vontade dele, a família autorizou a doação de todos os órgãos. Gugu sempre refletiu sobre os verdadeiros valores da vida e o quão frágil ela se revela. Sua partida nos deixa sem chão, mas reforça nossa certeza de que ele viveu plenamente. Fica a saudade, ficam as lembranças - que são muitas - e a certeza que Deus recebe agora um filho querido, e o céu ganha uma estrela que emana luz e paz".

O apresentador caiu de uma altura de cerca de 4 metros na casa onde morava com seus filhos e com sua esposa, Rose Miriam e bateu com a cabeça em uma quina. Ele estava trocando o filtro do ar-condicionado.

Segundo informações do Jornal da Band, no momento do acidente, ele estava acompanhado da mulher. Ele foi internado e segundo as primeiras informações, Gugu teve uma morte cerebral. Dona Maria do Céu, mãe do apresentador, embarcou na manhã  da última quinta-feira (21) para Orlando a fim de acompanhar a situação de perto. A irmã do apresentador também foi para os Estados Unidos. 

"A morte encefálica foi confirmada pelo Prof. Dr. Guilherme Lepski, neurocirurgião brasileiro chamado pela família, que após ver as imagens dos exames em detalhes, confirmou a irreversibilidade do quadro clínico diante de sua mãe Maria do Céu, dos irmãos Amandio Augusto e Aparecida Liberato, e da mãe de seus filhos, Rose Miriam Di Matteo".

Exitoína agora está no Telegram! Você quer ficar por dentro de todas as novidades? Acesse https://t.me/exitoinabrasil e não perca mais nada!